Ouça nossa webradio

sábado, 22 de janeiro de 2011

Documento comprova tráfico de influência na renovação de outorga de rádio na Paraíba


A gestão do espectro eletromagnético no Brasil sempre foi marcada por tráfico de influência dos políticos em todos os estados. Na Paraíba, não é diferente. Documento publicado na internet mostra que o ex-governador José Maranhão solicitou renovação de outorga para a Rádio Serrana de Araruna, emissora que funciona em sua cidade, onde sua família ocupa todos os espaços de poder, incluindo a própria rádio.

RESUMO DO OFÍCIO:

João Pessoa, 17 de março de 2010

Senhor Ministro,

Solicito a especial atenção de Vossa Excelência no sentido de verificar a possibilidade de autorizar, dentro dos trâmites legais, o Pedido de Renovação de Outorga da Rádio Serrana Ltda., para explorar o serviço de Radiodifusão Sonora em Ondas Médias no Município de Araruna, Estado da Paraíba.

JOSÉ TARGINO MARANHÃO
Governador do Estado da Paraíba


“Levantamento publicado no Estadão revela que 104 dos 513 deputados federais e 25 dos 81 senadores são donos ou sócios de emissoras de rádio ou TV. Cerca de 40% das emissoras de rádio e 27% das de TV têm políticos como sócios. Como no século XVIII, os corsários vivem na sombra do poder e nele se cevam. A máfia do rádio fazendo tráfico de influência no Congresso de forma idêntica à das sucessivas quadrilhas que assaltaram o Orçamento da União em proveito das empreiteiras”. (Alberto Dines).