Ouça nossa webradio

domingo, 23 de setembro de 2012




Amigos, já faz algum tempo que eu leio o blog, sou a favor das rádios comunitárias no Brasil, mas venho chamar atenção para um exemplo de uma rádio, claro que não citarei nomes, diretoria e cidade, pois não quero prejudicá-la e nem me fazer o papel de dono da verdade.

Existe uma rádio Comunitária em uma cidade qualquer, onde a luta pelo espaço para ter uma rádio foi grande, levou anos e anos até conseguir e conseguiram com esforço, luta e força de vontade. Passaram-se alguns anos e começaram a se infiltrar terceiros que não lutaram, que ficaram em cima do muro e hoje eles têm o poder, essas pessoas além de ter seu sustento trabalhando pra fora, eles também usam a verba dos apoios culturais que a rádio arrecada. Eles são gananciosos, querem sempre mais e mais, firmam contrato com firmas grandes e recebem alta valor por isso. Na rádio, só dá espaço para parentes e amigos, ninguém da sociedade ou da comunidade tem um programa para falar com a comunidade.

Se você  não é do círculo de amizade e conseguir entrar, fazer um programa de uma hora ou meia hora nos finais de semana, eles te cobram para você ir atrás de apoio cultural.  Mesmo que a rádio pague em dia todos seus gastos, volto a frisar, eles recebem e ficam com a maior parte das arrecadações e o comunicador novato que tem que arcar para se manter lá.
Pagam um dinheirão para uma pessoa trabalhar lá, sendo que o serviço para a Associação é voluntário, é coisa absurda mesmo.

Agora, sem querer ser dono da verdade, o que essa rádio é? Comunitária ou comercial disfarçada em comunitária? O que ela acrescenta para a comunidade além de levar seus diretores em festas e usar o nome "Cultural" para distorcer e omitir?

Se eu denuncio uma rádio dessas, eu sou um anti-social? anti rádio comunitária? Ou estou fazendo o bem para a comunidade e para quem lutou para conseguir o espaço e foi vencido por essa Associação?

Estou sendo injusto em pensar assim? Estou sendo incoerente ou vocês pensam da mesma forma?

Um abraço, fiquem com Deus e sucesso.

Arnaldo Teixeira

P.S: eu sou de outro Estado, não estou citando nenhuma rádio do vosso Estado, apenas quero entender a citação sem ser considerado um anti-radcom.