Ouça nossa webradio

quinta-feira, 8 de maio de 2014

Rádio comunitária de Mari/PB acusa Prefeitura de tentar despejar a emissora do prédio onde funciona

Severino Ramo
O Diretor Presidente da Rádio Comunitária Araçá, de Mari, Paraíba, Severino Ramo, acusou o prefeito da cidade, Marcos Martins, de manobrar para desalojar a emissora do prédio que ocupa, onde funcionou a estação ferroviária local, no centro da cidade. Conforme Ramo, o Diretor de Cultura da edilidade é um dos mais interessados em que a rádio fique sem teto, já que mantém antigo litígio com a emissora. “A população é totalmente contra essa tentativa de nos tirar da estação, e a gente não vai sair do espaço que conquistamos há mais de 15 anos”, disse Ramo.

Segundo Assis Firmino, Diretor de Cultura da cidade, o Departamento Nacional da Infraestrutura de Transportes – DNIT, passou a concessão do prédio para a Prefeitura administrar, já que faz parte do conjunto arquitetônico da estação composto pela residência do chefe, a casa da turma e a estação ferroviária. Ele afirmou que a Prefeitura não quer desalojar a rádio, e sim tomar posse do patrimônio como manda o novo contrato firmado com o DNIT.

Segundo Severino Ramo, a Prefeitura não se interessa pelos outros imóveis do conjunto arquitetônico ferroviário local, “que estão caindo aos pedaços”, mas apenas pela estação que está bem conservada e “é uma estratégia de nos fazer calar, pois somos uma emissora independente a serviço da comunidade”, disse ele.