Ouça nossa webradio

domingo, 11 de dezembro de 2011

Ministra Iriny Lopes se reúne com comunicadoras populares


A ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), Iriny Lopes, se reuniu com a Coordenadora Nacional de Gênero e Etnia do Coletivo de Mulheres da Abraço (Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária), Kamayura Saldanha e o grupo de Blogueiras Feministas. O encontro, que aconteceu na própria SPM em Brasília, teve o objetivo de esclarecer os pontos chaves da 3ª Conferência Nacional de Política para as Mulheres (CNPM). O evento, que será realizado no próximo dia 12 a partir das 18h, terá a transmissão inédita da Rádio Abraço NO AR e retransmissão para as rádios comunitárias de todo o Brasil.

Para Kamayura Saldanha, o encontro com a ministra Iriny Lopes, reafirmou a importância da utilização de ferramentas de comunicação popular. “A transmissão da 3ª Conferência Nacional de Política para as Mulheres pela rádio Abraço NO AR terá um brilho diferenciado, pois é uma ação inovadora. Isso ratificará a importância dos canais de rádios comunitárias no processo de construção de um país mais igualitário e humano”, falou Kamayura.

A ministra Iriny Lopes também destacou o trabalho fundamental que a Abraço desenvolve através das rádios comunitárias. “Acompanho o desenvolvimento da Abraço desde a sua fundação. Tenho uma relação muito forte com as rádios comunitárias, pois é um espaço importantíssimo”. A ministra lembrou ainda o papel que as rádios comunitárias cumprem nos lugares mais longínquos do Brasil. “As mulheres de vários municípios, por exemplo, não sabem onde e como recorrer, em caso de violência contra elas, e as emissoras comunitárias podem realmente cumprir a demanda de serviços como este”, afirmou Iriny Lopes.

A reunião abordou também os vários temas que serão discutidos na conferência, em um momento de pluralidade para as mulheres de todas as regiões do Brasil. São esperadas cerca de 3 mil mulheres na conferência, que além de debates, terá uma variada programação cultural e de interesses femininos.

Bruno Caetano
Da Redação

Abraço Nacional