Ouça nossa webradio

quarta-feira, 24 de março de 2010

Locutor de rádio comunitária paga mico em Souza (PB)


O locutor João Antônio Marques, filho do também locutor Gil Silva, dono da rádio comunitária Sousense Fm, ao gravar comerciais para esta emissora, chamou o comerciante Geraldo Alves Cavalcante, dono de uma loja de vendas e trocas de "retardado". Tudo por que o controlista deixou a gravação "escapar" e ir ao ar. O locutor ria, porque disse que o anunciante queria que fizessem a propaganda como "LOJA DO COMERCIANTE GERALDO ALVES CAVALCANTE" e em seguida no final do anúncio colocasse: "ORGANIZAÇÃO DO COMERCIANTE GERALDO ALVES CAVALCANTE". O locutor disse: "um cara desse é retardado né?" e ria, gargalhava sem conseguir completar o anúncio. Isto sem saber que toda a cidade estava ouvindo, talvez até o próprio anunciante.

Esta não é a primeira vez que a emissora e o locutor pagam mico. Durante o seu programa jornalístico, ele e seu pai estavam brigando pensando que os microfones estavam desligados. Vamos ver o que é que o anunciante vai resolver, se tira ou não seu anúncio da emissora.

Da Redação
www.sousanews.blogspot.com

NOTA DO BLOG:
Infelizmente, o que se vê é que esse bonito sonho de se ter uma rádio comunitária para servir de porta-voz das pessoas humildes transformou-se em um pesadelo de picaretagem e safadezas, nivelando-se aos esquemas escrotos das rádios comerciais.