Ouça nossa webradio

terça-feira, 10 de abril de 2012

Rádio poste tem processo de radcom arquivado pelo Ministério das Comunicações


A Rádio Cultural Cristo Rangel, situada entre os bairros Rangel e Cristo Redentor, em João Pessoa, Paraíba, teve seu processo de outorga para funconar em FM arquivado pelo Ministério das Comunicações, “por razões técnicas que a gente não entende”, segundo o diretor da entidade, o comunicador Quinho. O sistema de comunicação funciona nos moldes de difusora, com caixinhas nos postes.

A Rádio Cultural é considerada modelo no que se refere à programação e gestão pública, veiculando o melhor da música paraibana e divulgando projetos comunitários importantes para a população. “A nossa missão é a divulgação dos artistas, principalmente dos que surgem das tribos urbanas, prestar serviços publicitários adequados de qualidade e com baixo custo aos empresários da região, fazendo com que os mesmos se se envolvam com as ações culturais, sociais e religiosas que rolam pelos bairros”, informou Quinho.

O músico Gilberto Bastos Júnior, morador do Cristo Redentor, considera que, ao preterir um projeto do porte da Rádio Cultural, o MC mostra que não observa os critérios para distinguir as verdadeiras rádios comunitárias de projetos picaretas. “Em João Pessoa, temos vários projetos de comunicação popular sérios que não conseguem a outorga, o que é revoltante”, disse ele.