Ouça nossa webradio

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Reforma urbana e rádios comunitárias: um diálogo necessário



Rádios comunitárias são hoje uma importante maneira de colocar uma parte das cidades em contato consigo mesma. Elas exercem uma função que os meios de comunicação comerciais já não conseguem, porque são feitos com uma visão da cidade socialmente incluída. Quem vive a duríssima realidade da moradia inadequada, da falta de saneamento, da falta de transporte, da ausência de serviços de saúde pública e tantos outros problemas, sabe que o máximo que uma rede de televisão ou grande jornal vai conseguir é mostrar muito parcialmente a gravidade do problema. Em geral, a comunicação comercial esbarra no seu próprio limite e não apresenta gasta o tempo necessário neste debate, e assim não aprofunda o conhecimento sobre as causas das imensas desigualdades que nos cercam.

Já as rádios comunitárias são feitas pelos moradores e para os moradores. Assim, elas são um veículo de comunicação que encontra muito mais eco para os verdadeiros problemas das cidades e suas causas. Intensificar esse diálogo é a opção do Fórum Nacional de Reforma Urbana. O Fórum vê as rádios como um instrumento da nova cidadania que se comunica livremente pelas cidades. Por isso, quer levar para estas redes de rádio sua contribuição de um debate e uma luta por cidades mais justas e democráticas para todos.

Acesse e ouça o segundo volume da Série: Na Frequência do Direito à Cidade http://www.forumreformaurbana.org.br/_reforma/menu.php?id=680