Ouça nossa webradio

domingo, 30 de novembro de 2014

Associação pretende representar pequenos comunicadores sociais da Paraíba

O vascaino Noia é dono da difusora
 mais antiga de Mari
A Associação Paraibana de Comunicação Comunitária, Alternativa e Popular – Aparte, será um centro de referência e luta por uma comunicação mais democrática e um espaço aglutinador dos pequenos projetos de comunicação, a exemplo dos serviços de som nas cidades de pequeno e médio porte. A Aparte será oficialmente fundada no início de 2015 em João Pessoa, com abrangência em todo o Estado.
Um desses projetos de mídia alternativa é a pioneira Difusora de Noia, na cidade de Mari, no ar há mais de 30 anos, uma autêntica desbravadora da comunicação de massa, tendo à frente o comunicador Noia, figura muito estimada na comunidade.
Na cidade de Mari funciona outro projeto de comunicação alternativa, no formato de rádio a cabo, e uma rádio FM comunitária. As rádios alternativas a cabo funcionam no mesmo molde de difusoras, onde as caixas de som afixadas em postes estão ligadas por fiação. Elas prestam serviços de utilidade pública e atuam como veículos de comunicação que têm uma identidade bem particular junto às comunidades.

“Com uma entidade que as represente, as empresas que prestam esse serviço passam a contar com apoio para as questões técnicas e fortalecimento de práticas que favoreçam o fortalecimento desse espaço da comunicação alternativa”, afirmou o jornalista Dalmo Oliveira, da coordenação da Aparte.