Ouça nossa webradio

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

ASSEMBLEIA DA ASSOCIAÇÃO MUNDIAL DE RÁDIOS COMUNITÁRIAS


Segundo dia da assembleia mundial de rádios comunitárias, Amarc, em Gana, é o retrato de um mundo desigual. Enquanto alguns países falam em Apps, rádio digital e internet, outros têm como prioridade viabilizar energia elétrica para os transmissores. Os problemas são comuns: financiamento, falta de licenças e perseguição. Mas há um fato especificamente aqui na África que é o fechamento de rádios comunitárias por grupos fundamentalistas. Legal ver a força das mulheres em iniciativas na Índia e em Gaza, assim como a referência da legislação da Argentina para todo o planeta.

Artur William


Ao ler os relatos do Artur Willian que esta em Gana na Africa participando de um encontro mundial de Rádios Comunitárias, mestre em comunicação e militante da luta por um outro modelo de comunicação, especialmente às Rádios Comunitárias, fico mais confortado que vale a pena ser processado e condenado por lutar pela garantia de um direito fundamental á vida que é o direito de Comunicação livre de censura desde que comprometido com a verdade real. As verdadeiras Rádios Comunitárias no mundo exercem um papel fundamental onde as pessoas das comunidades são as protagonistas.


Clementino Lopes