Ouça nossa webradio

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Rádio comunitária denuncia opressão política na Paraíba


O comunicador Marcos Sales, do programa "liberdade de expressão", da Rádio Comunitária Araçá de Mari/PB, trouxe ontem (14) em seu programa o "pedido de socorro" de um funcionário público que disse estar sendo coagido para votar em candidatos.

Ao relatar a denúncia recebida, o comunicador a classifica como "pedido de socorro extremo" e destaca que o funcionário pede até "pelo amor de Deus" que o ajude. O comunicador diz apenas que o comentário refere-se a uma cidade da região, porém, logo teceu comentários que esclareceram indiretamente que o funcionário seria da cidade de Mari, até porque relaciona fatos ocorridos na cidade para justificar o comentário.

O comunicador fez um comentário indignado e disse que nada poderia fazer para ajudar, pois só quem pode fazer isso é a justiça. Já a comunicadora Raquel referiu-se ao fato como uma notícia triste e alertou os ouvintes para que não se deixem manipular por qualquer um que queira dominar seu voto. A comunicadora destacou que o voto é secreto e jamais qualquer um político saberá em quem um cidadão votou e por isso a verdadeira vontade do cidadão precisa ser exercida nas urnas, sem medo de que seu voto seja descoberto.

Do blog
www.marifuxico.blogspot.com